ATENÇÃO: seus pés indicam como está sua saúde. Fique atento aos sinais.

- fevereiro 13, 2019



Ao final do dia os seus pés incham a ponto de não caberem nos sapatos? Se você sofre com pés inchados, nem precisa andar muito e pode usar qualquer tipo de calçado que todos vão incomodar.

Às vezes a causa é mais simples, como a retenção de líquidos ou o uso de peças de roupa muito justas. Porém, pode acontecer de você estar com algum problema mais grave, como uma inflamação nas veias. Por isso é fundamental que sempre busque a orientação do seu médico de confiança.

Aqui você encontra: [ocultar]

Causas de pés inchados
1. Insuficiência cardíaca
2. Doença venosa
3. Inchaço muscular
4. Déficit de proteínas
5. Muito tempo em uma mesma posição
O que fazer
1. Banho de água quente e fria
2. Imersão em sulfato de magnésio
3. Compressa de vinagre de maçã
4. Massagem com óleo de camomila
5. Escalda pés de óleos essenciais
Como evitar os pés inchados na gravidez
Causas de pés inchados
pés inchados causas
Crédito: Freepik
Quando algo não está bem no seu sistema circulatório, as extremidades são o primeiro sinal de alerta. O tamanho reduzido dos vasos sanguíneos dessas áreas aumenta a probabilidade de obstrução, dificultando a chegada e o retorno do sangue.


Veja quais são as causas mais comuns dos pés inchados:

1. Insuficiência cardíaca
Acontece quando o coração não consegue levar o sangue para todo o corpo. As causas vão desde doenças arteriais coronarianas até doenças comuns, como diabetes e hipertensão.

2. Doença venosa
Geralmente, acontece quando as veias não conseguem fazer o sangue retornar para o coração com eficiência.

Essa interrupção pode ocorrer devido a varizes, trombose ou problemas no sistema linfático. É necessário ficar alerta a outros sintomas como dores e pele escurecida.

3. Inchaço muscular
O inchaço nos pés pode ocorrer também quando os músculos das pernas não apresentam força suficiente para permitir que as veias possam levar o sangue de volta para o coração.

4. Déficit de proteínas
A falta de proteínas, desnutrição e algumas doenças crônicas, como o câncer, também podem colaborar com o inchaço nos pés.

5. Muito tempo em uma mesma posição
Seja andando, parado em pé, dando aulas ou até mesmo sentado, o corpo passa a ter limitações na sua circulação, causando assim o inchaço.

O que fazer
pés inchados o que fazer
Crédito: Freepik
Além de fazer uma visita ao seu médico, há algumas formas de reduzir o inchaço e peso nos pés e pernas.

1. Banho de água quente e fria
Quando os pés estiverem inchados, o ideal é fazer uma imersão alternada entre água quente e fria.

Coloque os pés em uma bacia com água fria por três minutos e logo em seguida, ponha-os em água quente (numa temperatura que não cause queimaduras). Você pode fazer isso, inclusive, no chuveiro. É uma dica infalível para fazer seus pés voltarem ao normal.

2. Imersão em sulfato de magnésio
Em uma bacia com água morna (o suficiente para chegar até os tornozelos), misture uma xícara de sulfato de magnésio.



Deixe os pés repousarem nessa imersão por cerca de 15 minutos. Faça isso, de preferência, antes de dormir. O sulfato de magnésio é excelente para diminuir o inchaço nos pés, pois ajuda a ativar a circulação sanguínea.

3. Compressa de vinagre de maçã
Rico em potássio, o vinagre de maçã também é um ótimo aliado na diminuição do inchaço nos pés.

Em um recipiente, misture o vinagre com água morna, na mesma proporção. Umedeça um pano de algodão na mistura e enrole os pés, deixando agir por pelo menos meia hora. Faça isso sempre que sentir seus pés começarem a inchar.

4. Massagem com óleo de camomila
Nada melhor do que uma massagem para relaxar os músculos e ativar a circulação, além de diminuir a retenção de líquidos.

A camomila tem efeito relaxante e anti-inflamatório. Desta forma, o óleo dessa planta é excelente para diminuir o inchaço.

Passe um pouco nas mãos e esfregue até ficar aquecido, em seguida, é só passar nos pés em movimentos circulares e delicados.

5. Escalda pés de óleos essenciais
Para preparar esse escalda pés, coloque água morna até cobrir o tornozelo e uma xícara de sal. Misture bem e adicione 2 gotas de cada óleo essencial: cânfora, lavanda e arnica. Deixe seus pés nessa solução até que a água esfrie completamente, lavando e hidratando logo em seguida.

É bastante recomendável que, após o tratamento, você coloque seus pés para cima, estimulando assim a circulação sanguínea.

As dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. Para obter os resultados mencionados também é preciso aliar a uma vida e alimentação saudável e equilibrada.

Como evitar os pés inchados na gravidez
O inchaço nos pés é absolutamente normal durante a gravidez, principalmente no último trimestre. Tenha paciência, pois é uma fase. Aproveite para ganhar umas massagens gostosas nos pés e nas pernas!

Siga essas dicas de ouro, para evitar que seus pés inchem na gravidez:

Se hidrate: gestantes precisam de muito mais líquido do que pessoas fora desse período. Dessa forma, abuse dos sucos naturais, água de coco, águas aromatizadas e chás permitidos;
Durma o suficiente: ao dormir, deite no lado esquerdo, com um travesseiro entre as pernas;
Sente corretamente: sempre que for sentar, veja se seus joelhos e o assento estão alinhados, com os pés firmes no chão. Se não estiverem, considere colocar um apoio para os pés;
Use sapatos confortáveis: evite saltos, sapatos apertados e botas. A velha rasteirinha de sempre ou até a sapatilha e os tênis são seus grandes aliados;
Faça atividades físicas: gravidez não é doença! Caminhe, faça yoga, mexa-se! Consulte o obstetra para saber os melhores exercícios para praticar na gravidez.
Advertisement