Babosa no cabelo: como passar para hidratar e crescer os fios.

- maio 16, 2019


O gel presente no interior das folhas dessa planta também ajuda a combater as caspas

Escrito por Tailane Paulino Em 02/05/2019 (atualização: 13/05/2019)
Compartilhar no Twitter   Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Whatsapp  Informar erro  Informar erro
Você sabe como usar a babosa no cabelo? Chamada de aloe vera, a babosa é uma planta nativa do Nordeste africano e do Mediterrâneo, pertencendo a um gênero que abriga mais de 300 espécies, sendo a maioria delas com propriedades medicinais.

Existem registros de que a babosa é usada há mais de 5 mil anos como um poderoso cosmético natural. No Brasil, ela é tradicionalmente utilizada para tratar cabelos, peles e também queimaduras.

Atualmente, é possível encontrar diversos cosméticos que em sua composição levam babosa. Mas saiba que é possível aproveitar todos os benefícios usando a planta ao natural e sem gastar muito.

Por causa disso, o Remédio Caseiro preparou um artigo completo para explicar para você os diferentes modos de uso da babosa, quais os benefícios dela para os cabelos e ainda como plantar a erva em casa. Confira!

Como usar a babosa no cabelo?

Um dos principais usos da babosa é nos cabelos. Isso porque “a baba” que fica no interior das folhas é rica em nutrientes e diversos compostos fitoquímicos que penetram nas cutículas capilares e fornecem uma série de benefícios.

Mulher segurando babosa
A babosa pode ser utilizada na hidratação e fortalecimento dos cabelos (Foto: depositphotos)
Tudo isso com modos de usos bem fáceis e que mudam de acordo com o resultado desejado. Veja a seguir como usar a babosa para aproveitar os principais benefícios da planta!

Para hidratar os fios

A babosa é geralmente indicada para quem deseja hidratar os cabelos, principalmente devido à grande quantidade de nutrientes encontrados na parte interna da folha. Nesse caso, é possível afirmar que ela é emoliente, proporcionando mais maciez aos fios.

Para este fim, você irá precisar apenas de folhas de babosa, em quantidade o suficiente para envolver todo o cabelo. Em primeiro lugar, use uma faca para cortar e retirar a parte externa da folha.

Logo depois, separe o gel e aplique do meio para as pontas dos cabelos. Envolva os fios com uma touca ou toalha e espere cerca de 20 minutos para que todos os nutrientes penetrem nas cutículas capilares.

Por fim, basta enxaguar, condicionar e finalizar o cabelo normalmente. Após a primeira aplicação já é possível perceber que as madeixas ficaram brilhantes e mais hidratadas.

Para diminuir a queda e estimular o crescimento

A babosa é uma planta rica em diversos tipos de nutrientes. Boa parte deles contribui para a diminuição da queda causada pela quebra e ainda estimula o crescimento de novos fios.

Para estas finalidades, você pode usar a babosa de duas maneiras. Em primeiro lugar, para estimular o crescimento e diminuir a queda que acontece desde a raiz, é necessário aplicar o gel de babosa puro ou misturado com o óleo de coco em todo o couro cabeludo. Sempre massageando para promover a circulação e logo depois enxaguar e finalizar o cabelo como de costume.

Já para fortalecer os fios, a aplicação deve ser feita no comprimento dos cabelos e deixar agir por 20 minutos. O efeito poderá ser notado com o uso contínuo, onde os cabelos ficarão mais fortes e cheios.

Para caspa

Outro uso bastante comum do gel da babosa é para tratar a caspa. O problema, que afeta mais de 2 milhões de novos brasileiros todos os anos, é causado por uma condição chamada de dermatite seborreica.

Quando atinge o couro cabeludo, ela causa coceira e a formação de casquinhas brancas, provocando bastante incômodo. Portanto, a babosa é utilizada como uma solução natural para quem sofre com esse problema.

Para este fim, você precisa apenas do gel da babosa. Sendo assim, aplique o gel em todo o couro cabeludo, que deve estar limpo. Também é importante massagear bem e deixar agir por 15 minutos. Logo depois, enxague e não finalize com o condicionador ou creme para pentear.

Você pode repetir esse processo ao menos duas vezes na semana, até que toda a caspa seja eliminada.

10 benefícios da babosa para os cabelos

Como já foi dito, a babosa é uma planta usada há milênios, principalmente quando se trata de cuidar da beleza. Todo esse mérito é graças às suas diversas propriedades que ajudam a deixar os cabelos e a pele nutridos e viçosos.

No Brasil, a planta é usada com mais frequência para este fim e a seguir você vai ver os 10 principais benefícios da babosa para os cabelos que farão com que você deseje ter um pé em casa. Confira!

Reduz as caspas
Repara os danos à estrutura dos fios
Tem um grande poder de hidratação
Combate a quebra e a queda de cabelo
Estimula o crescimento
Retarda o envelhecimento do couro cabeludo
Protege contra danos do sol
Remove impurezas
Reduz a oleosidade na raiz
Tem efeito cicatrizante.
Reduz as caspas

Um dos principais benefícios da babosa para o cabelo é o de acabar com as caspas. O problema de descamação branca preocupa e incomoda muita gente, principalmente por causa da irritação e coceira que ele causa.

Como já foi mencionado, a caspa é uma inflamação decorrente de uma condição conhecida como dermatite seborreica, que por sua vez é causada por um tipo de fungo que vive no couro cabeludo.

O gel da babosa tem em sua composição propriedades anti-inflamatórias e antifúngicas. Desse modo, quando aplicada no couro cabeludo ela ajuda a tratar a raiz do problema e diminui os incômodos trazidos pela caspa, como a coceira. (1, 2)

Repara os danos da estrutura dos fios

A aloe vera é capaz de reparar os danos causados pelas agressões do dia a dia à estrutura do cabelo. Isso acontece por conta da sua composição nutricional.

O gel retirado do interior das folhas da planta é rico em vitamina A, diversos tipos de aminoácidos, bem como em ácidos graxos. Todas essas substâncias estão presentes na estrutura do cabelo e são perdidas com os danos diários.

Dessa forma, a babosa ajuda a repor os nutrientes perdidos e repara a estrutura dos fios. Além de prevenir o aparecimento do frizz e das pontas duplas, que também são causadas por causa da perda de nutrientes. (3, 4, 5)

Tem um grande poder de hidratação

O gel da babosa é composto por 70% de água. Isso faz com que ele seja uma bomba de hidratação para os cabelos, especialmente por conseguir penetrar nos fios.

Além disso, o efeito reparador da planta faz com que ela diminua a perda de água para o ambiente. Promovendo assim, não apenas a hidratação, mas um efeito emoliente que proporciona maciez, brilho e movimento para as madeixas. (4, 6)

Combate a quebra e a queda de cabelo

A queda de cabelo é um problema que afeta milhares de pessoas e pode ocorrer devido a diversos fatores. A queda, geralmente é causada pelo manuseio errado de escovas e pentes, uso contínuo do secador e chapinha, e até mesmo pelo sol e poluição das cidades grandes.

Para combater esses males, a babosa fortalece a estrutura dos cabelos, fazendo com que eles fiquem menos suscetíveis as agressões diárias. (1, 3)

Estimula o crescimento

A babosa é benéfica pois age estimulando a oxigenação do couro cabeludo e proporcionando o crescimento de novos cabelos.

Além disso, ela é rica em vitaminas A e K, que agem diretamente na produção de novos fios de cabelos e na saúde dos mesmos. O gel ainda contribui para uma suave esfoliação da couro cabeludo, que também ajuda a acelerar o crescimento. (5, 7, 8)

Retarda o envelhecimento do couro cabeludo

Assim como nossa pele, os cabelos também envelhecem com o passar do tempo. Por isso, é importante adotar hábitos que servem para retardar esse processo.

Um deles é utilizar a babosa como tratamento capilar. Por causa da grande quantidade de vitaminas, minerais e diversos aminoácidos, a planta proporciona mais elasticidade e proteção contra danos aos fios. (5, 8)

Protege contra danos do sol

Os cabelos também podem sofrer danos causados pela exposição ao sol. Esses danos incluem ressecamento, pontas duplas e desbotamento da cor, principalmente em cabelos coloridos artificialmente.

O gel da babosa age bloqueando e absorvendo parte da radiação ultravioleta, fazendo com que os danos aos fios sejam mínimos. Parte disso está relacionado à presença de diversas substâncias antioxidantes e à grande quantidade de vitamina A encontrada nas folhas. (4, 5)

Babosa planta
Essa planta protege os fios contra as agressões externas do dia a dia (Foto: depositphotos)
Remove impurezas

Quando aplicada nos cabelos, a babosa produz uma espuma suave que contém propriedades de limpeza devido à presença de saponina. Juntamente com a massagem, isso ajuda a retirar impurezas que aderem ao couro cabeludo.

Além disso, penetra na camada superficial da pele e desentope os poros. No comprimento dos cabelos, a planta também proporciona uma limpeza suave, ao mesmo tempo que mantém a hidratação. (3)

Reduz a oleosidade na raiz

Além de hidratar os cabelos, a babosa tem a capacidade de reduzir a oleosidade na raiz. Isso acontece por causa das propriedades do gel de remover as impurezas e pela presença de uma substância chamada de ácido salicílico.

Esse composto é bastante usado em produtos para acne e contém propriedades esfoliantes e antimicrobianas. Com o uso a longo prazo isso reduz a oleosidade e previne o surgimento de dermatites e outros problemas na pele. (4, 8)

Tem efeito cicatrizante

Por fim, o gel da babosa possui propriedades cicatrizantes. Isso faz com que ela seja extremamente eficaz para o tratamento de dermatites, incluindo a capaz e prevenindo o surgimento de novas lesões.

Por exemplo, quem usa chapinha com frequência pode acabar queimando o couro cabeludo. A babosa estimula a produção de colágeno, que melhora o fator de cicatrização, previne danos permanentes ao bulbo capilar e ainda diminui o incômodo. (1, 5, 6)

Propriedades nutricionais da planta

Já foi mencionado que a babosa é uma planta bastante rica nutricionalmente. No gel extraído do interior dela é possível encontrar vitaminas A, C, E e do complexo  B, como B1, B2, B3 e B6, bem como colina, niacina e ácido fólico.

Minerais como ferro, sódio, potássio, zinco e manganês também estão presentes em boas quantidades na “baba” da planta. Além disso, existem mais de 20 aminoácidos, substâncias importantes para a saúde do cabelo e da pele. (5, 8,)

Existem contraindicações para o uso?

Sim, assim como qualquer outro produto natural existem algumas contraindicações e cuidados com o uso da babosa. Em primeiro lugar, ela não deve ser usada durante a gravidez ou em pessoas com histórico de doenças cardíacas e renais crônicas.

Isso porque, os compostos fitoquímicos da planta, ao serem absorvidos pelo organismo, interagem com certos tipos de medicamentos e também podem levar ao aborto ou má formação do feto.

Antes de usar a babosa pela primeira vez é sempre importante fazer um teste de alergia, aplicando uma pequena quantidade no antebraço. Isso é necessário porque ela pode causar dermatite, diarreia e até mesmo vômito em pessoas sensíveis.

Por fim, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) não recomenda o uso da babosa em alimentos, em nenhuma hipótese. Principalmente, pela falta de estudos que comprovem a sua segurança e benefícios. (1, 9)

Como plantar babosa em casa?

Você viu neste artigo os benefícios de usar babosa no cabelo e ficou com vontade de testar? Saiba que ela é uma planta que pode cultivada no jardim e não necessita de grandes cuidados.

Como qualquer outra sulenta, a babosa se multiplica por eustaquia. Ou seja, o nascimento de novas plantas a partir de suas folhas. Já a terra para o plantio deve ser bem drenada e aerada.

Assim, as raízes da Aloe vera conseguem se fixar melhor no solo. A rega deve ser feita apenas quando a terra estiver seca e a babosa precisa ficar em contato direto com a luz do sol.

Fonte: remedio-caseiro / Redação
Advertisement