Mastruz com leite: conheça os inúmeros benefícios para a saúde.

- 5:53 AM


Mastruz com leite é um velho e conhecido remédio caseiro, capaz de tratar diversas doenças.

O mastruz é uma planta medicinal rica em diversos nutrientes, por isso traz inúmeros benefícios para a saúde.

Segundo estudo da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), em Itajaí (Santa Catarina), a Organização Mundial de Saúde (OMS) considera o mastruz como uma das ervas mais usadas para fins medicinais no mundo.

Além disso, o mastruz está na lista da Relação Nacional de Plantas de Interesse ao Sistema Único de Saúde (Renisus).

Essa lista possui 71 espécies de plantas nativas que são usadas na medicina tradicional e ganharam prioridade nos estudos farmacológicos.

O mastruz contém vitaminas A, C,  vitaminas do complexo B, além de cálcio, ferro, fósforo, potássio, zinco e óleos essenciais.

Seu consumo se dá através de chás ou misturado com leite -a segunda opção é a forma mais popular.

O mastruz também é conhecido como erva-de-santa-maria e pode ser comprado na sua forma natural ou em folhas desidratadas, em alguns mercados, lojas de produtos e farmácias de manipulação.

Benefícios do mastruz
Devido à alta concentração de nutrientes, a planta oferece diversos benefícios para o bem estar do corpo.

Confira:

Alívio de problemas respiratórios

O mastruz tem a capacidade de limpar o muco e o catarro do nosso organismo.

Pelo fato de conter alto nível de vitamina A, auxilia no tratamento de problemas respiratórios, como asma, rinite, sinusite e gripes fortes.

Aumenta imunidade
Graças à presença de altos níveis de vitamina C, o mastruz ajuda a aumentar a imunidade e a resistência contra doenças.

Eficaz contra dor
O extrato das folhas de mastruz possui componentes anti-inflamatórios e analgésicos que podem ajudar no tratamento contra dores.

Portanto, para pacientes que apresentam problemas com dores crônicas ou sensibilidade aos analgésicos e anti-inflamatórios comuns, essa planta é um excelente remédio.

A erva também ajuda a diminuir o inchaço causado pelas lesões e a aumentar a tolerância à dor.

Ajuda na cicatrização
Devido à alta concentração de óleos essenciais, o mastruz auxilia na cicatrização.

Você pode tanto consumir o chá da planta quanto  aplicá-lo diretamente sobre alergias, feridas e machucados.

Importante: no caso de feridas e machucados, eles já devem estar fechados para poder fazer a aplicação.

Contribui para a digestão
O mastruz auxilia contra os problemas de indigestão, gastrite e reduz os gases.

Além disso, possui ação antibacteriana, antifúngica e antiviral, podendo combater vários problemas causados por esses microrganismos.

Ação antiparasitária
Outro benefício do mastruz é a sua ação antiparasitária.

A planta age como um remédio caseiro contra vários parasitas intestinais.

E, além de indicada para humanos, pode ser usada também em animais domésticos.

Receita de mastruz com leite
Ingredientes:

20 folhas de mastruz
100 ml de leite
mel a gosto – opcional
Modo de preparo:

Coloque as folhas no liquidificador, o leite e bata até a mistura ficar  mais homogênea possível.

Caso queira, adoce com mel e consuma na sequência.

Para um tratamento eficaz, tome essa bebida deve diariamente, apenas uma vez por dia e em um período de, no máximo, dez dias.

Chá de mastruz
O chá pode ser preparado de duas maneiras.

Você pode aproveitar as sementes do mastruz ou as folhas secas.

Ingredientes:

500 ml de água
1 xícara de sementes de mastruz
mel a gosto – opcional
Modo de preparo:

Ferva a água, adicione as sementes do mastruz e deixe por dez minutos.

Coe e adoce com mel – caso queira – e consuma em seguida.

Já para o preparar o chá com as folhas, é necessário usar as folhas secas.

Dessa maneira, será mais fácil de extrair os benefícios da erva.

Primeiramente, ferva uma xícara de água em uma panela ou chaleira.

Quando estiver borbulhando, desligue o fogo e adicione uma colher (sopa) de folhas de mastruz.

Deixe em infusão por alguns minutos, adoce com mel – opcional – e beba ainda quente.

Espere alguns minutos e logo depois adoce com mel.

Beba ainda quente.

A recomendação – nas duas receitas de chá – é que ele seja ingerido até três vezes por dia.

Contraindicação:
Por ser uma planta muito forte, o mastruz não é indicado para crianças, pois pode causar náuseas e problemas estomacais.

Além disso, se colocado em contato com a pele, no caso de crianças muito pequenas, pode provocar queimaduras e alergias.

Gestantes também não devem consumir, já que possui efeito abortivo.

É importante destacar também que a planta não deve ser utilizada para tratamento contínuo, pois seu uso prolongado pode fazer mal ao organismo.

Por isso, procure orientação médica para saber a dosagem que você pode consumir com segurança.

Via: Curapelanatureza
Advertisement