Erva-cidreira: propriedades, benefícios e como fazer o chá.

- 8:12 AM


Erva-cidreira

Em tempos em que as demandas do dia a dia podem nos trazer atribulações e estresse, vem a Natureza com um santo remédio para nos acalmar.

Esse remédio natural é a planta Erva-Cidreira, de nome científico Melissa officinalis, também conhecida popularmente como “Erva-Cidreira Verdadeira”.

Neste conteúdo você saberá mais sobre as propriedades, benefícios, como fazer e consumir o chá dessa maravilhosa planta.

Índice

Características da Erva-Cidreira
Emprego milenar dos poderes medicinais da Erva-Cidreira
Propriedades
Benefícios
É nutritiva
Alivia Cólicas
Reduz Gases
Abaixa a Pressão Arterial
Fortalece a Imunidade
Melhora a Digestão
É calmante natural e elimina Insônia
Combate a Tosse
É benéfica para a Pele
Tem Ação Cosmética
Cuidados no consumo do Chá da Erva-Cidreira
Receita do chá

Aroma, sabor e poder curativo em uma só planta!
Características da Erva-Cidreira
Esta planta herbácea pertence à família da Menta (Hortelã) e do Boldo, sendo nativa da Europa meridional.

Os aspectos marcantes dessa planta são o gosto e aroma limonado, proveniente do seu óleo essencial do grupo dos terpenos, principalmente monoterpenos: nerol-cânfora, carvacrol, p-cimeno e citral-geraniol.

As folhas da Erva-Cidreira são maiores e mais claras que as do seu parente vegetal, o Hortelã.

A Erva-Cidreira floresce no final do Verão e suas flores são pequenas, de cor esbranquiçada ou róseas e são atrativas de abelhas, disso provém seu nome científico, Melissa, que deriva do grego e significa abelha.

Emprego milenar dos poderes medicinais da Erva-Cidreira
Desde a Antiguidade a Erva-Cidreira vem sendo usada pelos seus poderes terapêuticos e medicinais. Foram os árabes que começaram a incluir esta planta em seus tratados medicinais, no século X.

Propriedades
Esta herbácea é muito utilizada na Medicina Natural, Fitoterapia e na Aromaterapia devido às suas propriedades calmante, anticonvulsivante, antiespasmódica, antinevrálgica e analgésica.

Benefícios
Conheça agora os 10 benefícios da Erva-Cidreira para a saúde!

É nutritiva
A Erva-Cidreira possui muitos nutrientes para o corpo, como a Vitamina A, Vitaminas do Complexo B, Vitamina C e minerais como Cobre, Zinco, Ferro, Potássio, Cálcio, Magnésio e Fósforo.

Alivia Cólicas
O chá de Erva-Cidreira alivia cólicas menstruais por relaxar os tecidos uterinos.

Reduz Gases
A Erva-Cidreira reduz e combate a produção de gases estomacais.


Abaixa a Pressão Arterial
Esta erva diminui a pressão arterial porque proporciona uma leve vasodilatação dos vasos sanguíneos.

Fortalece a Imunidade
A Erva-Cidreira estimula o sistema imunológico, pois melhora a absorção de nutrientes no organismo.

Melhora a Digestão
Esta planta facilita a digestão e trata problemas digestivos como arrotos, enjoos e vômitos.

É calmante natural e elimina Insônia
O Chá de Erva-Cidreira tem efeitos calmante e sedativo, aliviando ansiedade, estresse e melhorando o processo do sono.

Combate a Tosse
Por ser expectorante, a Erva-Cidreira trata tosse e catarro.

É benéfica para a Pele
A Erva-Cidreira contém Licopeno, um nutriente que  protege a pele e a mantém jovem e saudável.

Tem Ação Cosmética
Esse vegetal pode ser utilizado como produtos cosméticos naturais para tratamentos capilares e da pele, por conta de seus princípios antioxidantes.


No tratamento para o cabelo, a Erva-Cidreira pode ser empregada como tônico capilar, pois ajuda a hidratar os fios capilares.

Já como tratamento para a pele, esta planta previne e combate o envelhecimento, a acne e a desidratação da pele, além do mais, dá alívio aos sintomas de insolação na pele, graças às suas propriedades anti-inflamatórias e analgésicas.

Cuidados no consumo do Chá da Erva-Cidreira
Como toda planta, é necessário conhecer e tomar cuidado com possíveis efeitos adversos, interações medicamentosas e contraindicações provenientes do consumo inadequado do Chá da Erva-Cidreira.

Os riscos do consumo inadequado e exagerado do chá de Erva-Cidreira podem causar efeitos colaterais como: diminuição da frequência cardíaca, hipotensão (pressão arterial baixa) e sonolência durante o dia.

As interações da Erva-Cidreira podem ocorrer com medicamentos ou suplementos sedativos e/ou calmantes, dessa forma, há que se ter precaução e consultar o médico antes de consumir este chá.

O consumo do Chá da Erva-Cidreira é contraindicado para gestantes, lactantes, crianças com menos de 12 anos, pessoas hipotensivas ou que têm hipotireoidismo e pacientes que fazem uso de medicamentos sedativos ou calmantes.


Receita do chá
Basicamente, para fazer o chá de Erva-Cidreira são necessários 1 colher de sobremesa dessa erva picada em 1 xícara com água bem quente, deixando em infusão por 10 minutos, podendo consumir 2 xícaras desse chá ao dia.

Conforme o formulário de fitoterápicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a quantidade recomendada de Erva-Cidreira não pode exceder 12 gramas de folhas dessa planta e nem ultrapassar 450 ml do seu chá.

Aroma, sabor e poder curativo em uma só planta!
Com tantos predicados, benefícios e poderes curativos que essa planta tem, e agora você conhece e sabe como usar direitinho o seu chá, que tal ter essa planta em casa? Veja como cultivá-la:

MELISSA OU ERVA-CIDREIRA: FÁCIL DE VOCÊ CULTIVAR, EM VASOS OU NO JARDIM
Além de tê-la fresquinha para fazer seu chazinho, esta planta irá embelezar seu jardim com suas florzinhas e perfumar com seu suave aroma cítrico, além de atrair insetos polinizadores, beneficiando à nós e à toda Natureza!

Via: greenme
Advertisement