Tintura e creme de alecrim para nutrir e rejuvenescer a pele.

- 6:41 AM



Com o alecrim, você pode fazer ótimos tratamentos caseiros para nutrir e rejuvenescer a pele.

 

O alecrim é rico em ingredientes ativos como vitaminas A, B2, B6 e C, cálcio, ferro, fósforo, magnésio e zinco.


Além disso, ele também possui alto teor de antioxidantes.


Por meio de todos esses nutrientes, esta erva é considerada um excelente fitoterápico.


Segundo estudo publicado no European Journal of Dermatology, o alecrim também possui capacidade de recuperar  pele.


Isso acontece, porque ele age diretamente na principal célula da derme, os chamados  fibroblastos.


Os fibroblastos são responsáveis pela fabricação de colágeno e elastina, proteínas que dão elasticidade e firmeza para a pele.


Porém, após os 25 anos, os fibroblastos começam a diminuir sua atividade,  e com isso fabricam menos proteínas, e a pele vai envelhecendo gradativamente.


Entretanto, o alecrim possui capacidade reconstrutora da pele, fazendo com que os fibroblastos voltem a ser plenamente ativos, produzindo colágeno e elastina em grande quantidade e a pele volta a ficar tonificada, elástica e viçosa.


Devido a todas essas propriedades, vários produtos cosméticos são feitos à base de alecrim, tais como óleos, loções, hidratantes e águas termais.

 

No entanto, não é necessário gastar muito para poder aproveitar os benefícios dessa planta.


Você pode fazer uma tintura de alecrim em casa para tratamento contra dores e também preparar um creme para nutrir e rejuvenescer a pele.


Tintura de alecrim


Este remédio caseiro têm propriedades anti-inflamatórias e analgésicas capazes de eliminar a dor sem causar efeitos colaterais.


Ingredientes:


20 g de alecrim seco ou 40 g de alecrim fresco

100 ml de álcool puro

Recipiente de vidro


Passo a passo:


Primeiramente, veja se o recipiente está o mais limpo possível.


Caso já tenha sido usado, limpe-o com água fervente e vinagre.


Depois, coloque o alecrim no vidro – se for usar o alecrim fresco, remova as folhas dos galhos.


Despeje o álcool sobre o alecrim, até cobrir toda a planta – se necessário, adicione um pouco mais de álcool.


Tampe o recipiente, agite um pouco e guarde em um local escuro e fresco por três semanas a um mês.


De vez em quando, mexa o vidro para que as substâncias do alecrim sejam melhores dissolvidas.


Após esse período, você já pode utilizar essa tintura para as seguintes patologias:


celulite

gripes e resfriados

queda de cabelo

varizes e outros problemas de circulação do sangue

dor de pescoço

golpes e contusões

dores nos músculos e articulações

entorses

lumbago

reumatismo

cãibras

cansaço muscular


Como aplicar a tintura no corpo


Passe a tintura nas pernas e outras partes do corpo onde sinta alguma dor ou sofra com varizes e celulites, antes de ir dormir.


Aplique-a em forma de massagem, porém, nunca use internamente, nem nas mucosas e feridas.


Depois de aplicar na pele da região dolorida, lave imediatamente as mãos, para que não se corra o risco de levar, por esquecimento, as mãos aos olhos, o que poderia causar uma irritação.


Atenção


Esta tintura serve apenas para uso externo, por isso nunca faça a ingestão.


Além disso, gestantes, lactantes, menores de 12 anos, homens com problemas na próstata e pessoas com diarreia não devem fazer o uso.


Para aumentar ainda mais o efeito rejuvenescedor do alecrim, a tintura também pode ser usada como um simples creme para a pele.


Creme com tintura de alecrim


Este creme é adequado para as mãos, o rosto e até mesmo os lábios quebradiços podem se beneficiar dele.


Ingredientes:


10 ml de tintura de alecrim

10 g de vaselina

Recipiente de vidro

Panela com água fervente

Modo de preparo:


Despeje a vaselina e a tintura no vidro.


Em seguida, coloque o recipiente dentro da panela com a água fervente e mexa – o creme – com uma “vareta” até que todo o álcool tenha evaporado.


Quando todo o álcool evaporar, retire o recipiente da panela e deixe esfriar um pouco.


Na sequência, despeje a mistura em um recipiente limpo e mexa levemente sobre uma superfície dura, para evitar a formação de bolhas.


Quando a mistura estiver fria e endurecida, o creme está pronto.


Importante: faça um teste alérgico antes.


Aplique a tintura ou o creme em uma pequena área do corpo – cotovelo, por exemplo – para ter certeza de que você não terá reação alérgica.


Se for o caso, interrompa o uso imediatamente e consulte um médico.


Agora você já sabe o que fazer para cuidar e refrescar sua pele, seria uma pena não tirar proveito de todos os benefícios do alecrim.


Advertisement