6 tratamentos naturais para controlar os níveis de ácido úrico

- 10:39 AM


 

O ácido úrico é uma substância produzida após a quebra das moléculas de purina e afeta principalmente os homens.


Essa substância (purina) está presente em diversos alimentos, principalmente os de origem animal.


Parte desse ácido é eliminado pelos rins, através da urina, enquanto o restante continua circulando no sangue.


Fatores como má alimentação, falta de atividades, tomar pouca água podem causar o surgimento desses resíduos metabólicos no sangue.


A análise do ácido úrico é feita através de exames de sangue e urina, solicitado pelo médico.


[SIGA O CANAL DO CURA PELA NATUREZA NO TELEGRAM]

Os principais sintomas são:


Dor e inchaço principalmente no dedão do pé, tornozelo, joelho ou dedos

Dificuldade para movimentar a articulação afetada

Vermelhidão na articulação, podendo ficar mais quente que o habitual

Deformação da articulação, devido ao acúmulo excessivo de cristais

Cálculos renais

Por isso, para manter os níveis de ácido úrico equilibrados, é fundamental cuidar da alimentação.



Além disso, se você perceber que está com algum sintoma de altos níveis de ácido úrico, um desses remédios naturais poderá ajudar você a controlar.


O consumo regular de qualquer um deles vai ajudar a eliminar o excesso de ácido úrico e também toxinas que podem ser encontradas no organismo.


Confira a seguir alguns tratamentos naturais e evite maiores complicações:


Vinagre de maçã

O vinagre de maçã contém ácido málico, que ajuda o organismo na quebra do ácido úrico.


Dessa forma, previne a formação dos cristais e os processos inflamatórios.


Além disso, o vinagre de maçã também regula o pH do sangue, resultando numa melhora da saúde em geral.


Ingredientes:


2 colheres (sopa) de vinagre de maçã

250 ml de água quente

Modo de preparo:



Dilua o vinagre de maçã na água quente e tome em seguida, após o preparo.


Consuma essa mistura duas vezes ao dia, a primeira pela manhã em jejum e a segunda à tarde.


Faça o tratamento todos os dias, por duas ou três semanas seguidas.


Importante: a mistura deve ser preparada antes do consumo, portanto, você deve preparar pela manhã e à tarde.


Bicarbonato de sódio

O bicarbonato de sódio interage com o organismo, controlando assim os níveis elevados de ácido úrico. 



Além disso, também auxilia na eliminação de pedras nos rins.



Ingredientes:


½ colher (chá) de bicarbonato de sódio

200 ml de água

Modo de preparo:


VOCÊ PODE GOSTARMgid



O vovô de {region} ainda se diverte no quarto graças a isso


Sapatênis de couro indicado para homens que prezam o conforto

Dilua o bicarbonato na água e tome em seguida, logo após o preparo.


Faça esse tratamento por duas semanas, quatro vezes ao dia, de duas em duas horas.


Pessoas acima de 60 anos não devem consumir essa mistura mais do que três vezes ao dia.



Suco de limão

O limão possui efeitos alcalinos que ajudam a neutralizar o ácido úrico no sangue.


Além disso, a fruta também  favorece a produção de carbonato de cálcio no organismo, que ajuda a neutralizar os ácidos, inclusive o úrico.


Ademais, o limão é um excelente antisséptico, adstringente e antioxidante.


Com isso, ajuda a depurar e eliminar elementos nocivos que o organismo não precisa.


Ingredientes:


Suco de 1 limão 

200 ml de água morna

Modo de preparo:


Esprema o suco de limão na hora do preparo e misture com água morna.


Tome sempre pela manhã em jejum, meia hora antes do café da manhã.


Faça o tratamento apenas uma vez ao dia por três semanas.



Chá de cebola

A cebola contém propriedades que ajudam a depurar o organismo, contribuindo assim para o controle dos níveis de ácido úrico.


Além disso, ela possui antioxidantes que contribuem para a quebra de cristais que venham a se formar nos rins.


Ingredientes:


500 ml de água

½ cebola

1 colher (sopa) de mel

Como fazer:


Corte a cebola em pedaços, coloque em uma panela, adicione a água e ferva por dez minutos em fogo baixo.


Em seguida, coe, adoce com mel e consuma logo em seguida.


Recomenda-se tomar uma xícara desse chá pela manhã e outra à tarde.


Sugestão: como foi feito 500 ml de chá, após o consumo da primeira xícara pela manhã, armazene o restante na geladeira para tomar a tarde.



Caso queira, reduza a receita pela metade e faça a infusão duas vezes ao dia, na hora do consumo.


Chá de cavalinha

A cavalinha tem efeito diurético e propriedades anti-inflamatórias que estimulam a micção e ajudam a expulsar os resíduos pela urina.


Como benefício, diminui os níveis de ácido úrico no organismo.


Ingredientes:


1 xícara de água

1 colher (sopa) de cavalinha

Modo de preparo:


Ferva a água, adicione a cavalinha, tampe e deixe em infusão por dez minutos.


Coe e tome logo em seguida.


Faça o tratamento por três semanas, consumindo duas xícaras dessa infusão por dia.


A primeira de preferência pela manhã em jejum e a outra no meio da tarde.



Infusão de urtiga

A urtiga tem efeito diurético, que ajuda a diminuir os níveis de ácido úrico pela urina. 


Além disso, estimula as funções dos rins, proporcionando uma melhora geral na saúde renal.


Ingredientes:


1 xícara de água

1 colher (sopa) de folhas de urtiga 

Modo de preparo:


Ferva a água, adicione as folhas de urtiga, tampe e deixe em infusão por dez minutos.


Em seguida coe e tome.


Recomenda-se fazer o tratamento por três semanas, consumindo duas xícaras dessa infusão por dia.


A primeira pela manhã em jejum e a outra no meio da tarde.


Cuidados e prevenção

Para ajudar a prevenir e reduzir os altos níveis de ácido úrico do organismo, existem algumas dicas que podem ser seguidas todos os dias.



Confira!


Consuma no mínimo dois litros de água por dia

Aumente o consumo de frutas e vegetais diuréticos, no mínimo cinco vezes ao dia

Não consuma carne vermelha, peixe e frutos do mar em excesso

Evite consumir alimentos ricos em purinas, como fígado, rins e moela

Diminua o consumo de produtos industrializados e com muito açúcar

Consuma alimentos e frutas ricos em vitamina C, como acerola, abacaxi e laranja

Aqui no Cura pela Natureza já mostramos uma lista com 11 alimentos para normalizar o ácido úrico no seu corpo.


Alerta

O excesso de ácido úrico no sangue é a principal causa da gota, uma doença inflamatória que acomete as articulações, principalmente o dedão do pé.


Esse desconforto causa  inchaço na articulação do dedo acompanhado de dor muito forte.


Em alguns casos, pode durar alguns dias, mas em outros algumas semanas, podendo provocar até uma doença renal crônica. 

De acordo com um estudo publicado na revista científica “Arthritis & Rheumatology”, até 2017 havia aproximadamente 41 milhões de casos no mundo.


A mudança no estilo de vida é o fator mais importante no controle de ácido úrico.


Por isso, a partir de hoje mude um pouco sua rotina, invista em uma alimentação balanceada e atividades físicas.

Via:Cura Pela Natureza



Advertisement