Maracujá com canela: acalma, reduz o colesterol e melhora o sistema digestivo. - Tudo pela Cura

Maracujá com canela: acalma, reduz o colesterol e melhora o sistema digestivo.

- 7:59 PM


 



O hábito de tomar um chá antes de dormir para melhorar a qualidade do sono e diminuir a ansiedade é comum entre a maioria das pessoas.

Além de saborosas, essas infusões trazem vários benefícios para a saúde, como efeito digestivo, anti-inflamatório, antioxidante, entre outros.

A combinação que ensinaremos a seguir vai proporcionar diversos benefícios para a sua saúde.

Reunindo as propriedades nutricionais e medicinais do maracujá e da canela, você vai obter um chá de sabor agradável.

Essa infusão ajuda a prevenir e tratar uma série de problemas, incluindo colesterol, controle da glicose, ansiedade e problemas digestivos.
  
É mais um recurso natural para ser aproveitado por quem está em busca de mais saúde, bem-estar e  qualidade de vida.

Benefícios do maracujá
O maracujá é rico em vitaminas A, do complexo B, C, cálcio, ferro, fósforo, magnésio, potássio, zinco, fibras e baixo índice glicêmico. 

A fruta também auxilia no combate aos radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce. 

Além disso, contém alcaloides com leves propriedades sedativas, sendo, portanto, indicado para o relaxamento.

Segundo estudo da Universidade de São Paulo (USP), o maracujá contém muitas substâncias, principalmente na polpa e na casca, com os seguintes benefícios:

Atividade antioxidante
Anti-hipertensão
Diminuição da taxa de glicose
Redução dos níveis de colesterol do sangue
Portanto, veja a seguir quais são os benefícios que as propriedades do maracujá proporcionam para a saúde.

Combate o estresse e a ansiedade 
Devido à ação de flavonoides e alcalóides, o maracujá age no sistema nervoso, produzindo efeito calmante, analgésico e relaxante muscular.

Além disso, contém magnésio, um mineral que ajuda no controle do estresse e da ansiedade.

Controla a glicose no sangue 
O maracujá é rico em fibras, que são encontradas em maior concentração na entrecasca.

Essas substâncias fazem com que a absorção dos carboidratos consumidos nas refeições seja mais lenta, evitando os picos de glicemia no sangue.

Segundo estudo da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), pacientes diabéticos que consumiram farinha da casca de maracujá tiveram controle positivo dos níveis glicêmicos.

Controla os níveis de colesterol 
Um estudo publicado na Revista Brasileira de Farmacognosia, avaliou pacientes que consumiram pectina, fibra presente na entrecasca do maracujá.

Os testes mostraram redução média de 18% no colesterol total e 19% no colesterol ruim (LDL), além de 15% nos níveis de triglicerídeos.

Ajuda a proteger o coração 
O maracujá tem atividade anti-inflamatória que ajuda a manter normais as funções do sistema nervoso e circulatório.

Também possui hesperidina, um glicosídeo flavanona encontrado na polpa das frutas cítricas, que ajuda a prevenir doenças cardíacas.

Além disso, como o maracujá auxilia no controle dos níveis de colesterol, triglicérides e açúcar no sangue, previne outras doenças cardiovasculares.

Regula o intestino
O maracujá contém pectina, uma fibra solúvel com ação reguladora das funções do intestino. 

Além disso, age como probiótico, melhorando o funcionamento intestinal e ajudando na eliminação de gorduras e toxinas.

Aumenta a imunidade
Por ser rico em vitamina C, o maracujá fortalece o sistema imunológico.

Desse modo, previne diversas doenças e condições que podem atingir o organismo.

Combate a anemia
Devido à presença de ferro em sua composição, o maracujá  fortalece o sangue,  especificamente a hemoglobina.

Desse modo, previne e ajuda a combater a anemia, doença causada pela deficiência de glóbulos vermelhos no sangue.

Saúde dos olhos 
Por ser rico em vitamina A, o maracujá ajuda a proteger a córnea, favorecendo a saúde dos olhos.

Benefícios da canela
A canela é uma especiaria rica em vitaminas A, C, K, cálcio, ferro, fósforo, magnésio, potássio, zinco e fibras.

Além disso, conta com as seguintes propriedades:

Antibacteriana
Antifúngica
Hipoglicemiante
Termogênica
Relaxante muscular
Carminativa (age contra gases)
Antiespasmódica (atua contra cólicas)
Reduz o risco de doença cardíaca
Segundo estudo da NWFP Agricultural University, no Paquistão, a canela ajuda a reduzir os níveis de colesterol total, colesterol ruim (LDL) e triglicerídeos.

Desse modo, o consumo da especiaria pode ser associado à redução do risco de doenças cardíacas.

Melhora a sensibilidade à insulina
Muitas pessoas são resistentes à insulina, hormônio que ajuda a regular o metabolismo, o uso de energia e que auxilia o transporte do açúcar até as células.

Essa condição pode causar doenças graves, como diabetes tipo 2 e síndrome metabólica.

No entanto, de acordo com dois estudos do Centro de Pesquisa de Nutrição Humana de Beltsville, nos Estados Unidos, a canela ajuda a reduzir a resistência à insulina.

Estudo 1: Canela: papel potencial na prevenção da resistência à insulina, síndrome metabólica e diabetes tipo 2
Estudo 2: Canela melhora a glicose e os lipídios de pessoas com diabetes tipo 2
Além disso, a canela também auxilia na redução de açúcar (glicose) na corrente sanguínea.

Melhora o sistema digestivo
Devido às propriedades antiespasmódicas, anti-inflamatórias e antibacterianas, a canela ajuda a controlar os gases, diarreia, acidez no estômago e náuseas.

Além disso, sua função antibacteriana previne vários tipos de infecções internas e externas no corpo.

Outros benefícios da canela
Acelera o metabolismo
Melhora a circulação sanguínea
Ajuda a emagrecer
Alivia os sintomas da gripe e resfriados
Previne doenças neurodegenerativas
Combate o mau hálito
Previne cárie
Alivia desconfortos menstruais
Fortalece o sistema imunológico
Chá de maracujá com canela
A combinação de maracujá com canela oferece vários benefícios para a saúde, seja em forma de chá ou o consumo in natura da fruta com a especiaria.

Ingredientes:
1 maracujá
2 paus de canela
Água
Modo de preparo:
Lave bem o maracujá, corte ao meio e coloque em uma panela – com a casca e a semente.

Cubra com água, acrescente a canela e leve ao fogo até levantar fervura.

Coe e tome em seguida (quente ou frio), antes de dormir e de preferência sem nenhum adoçante.

Além do chá, outra opção para consumir essa combinação é simplesmente cortar o maracujá, polvilhar canela em pó e comer a polpa.

Advertisement