Geleia de casca de abacaxi: nutritiva, sem açúcar e sem conservantes. - Tudo pela Cura

Geleia de casca de abacaxi: nutritiva, sem açúcar e sem conservantes.

- 6:39 PM




 


Esta geleia fica deliciosa e nutritiva, além disso, proporciona vários benefícios para a saúde.


 


Hoje em dia, tem sido comum as pessoas buscarem uma alimentação mais saudável.


Por isso, elas estão substituindo alguns hábitos alimentares a fim de ter mais qualidade de vida.


E também muitos costumam fazer dietas para emagrecimento e, por isso, precisam seguir um cardápio balanceado.


Pensando nisso, hoje vamos ensinar a fazer uma geleia de casca de abacaxi sem adição de açúcar, conservantes e/ou aromatizantes.



Isso mesmo, você não entendeu errado!



A proposta é utilizar essa parte da fruta que geralmente vai para o lixo, mas que, se for devidamente higienizada, pode ser aproveitada em diversas receitas saudáveis.


Isso porque, segundo o Ministério da Saúde, a casca do abacaxi é mais nutritiva do que a polpa da fruta, tendo 38% a mais de vitamina C.


Também possui maior quantidade de betacaroteno, cálcio, ferro, potássio, fibras e vitaminas do complexo B. 


Além disso, a casca do abacaxi é rica em bromelaína, uma enzima com ação anti-inflamatória.




Por isso, vale a pena evitar o descarte e fazer uma receita saudável para incorporar em sua dieta.


Geleia de casca de abacaxi

Esta geleia fica deliciosa e nutritiva.


Além disso, proporciona vários benefícios para a saúde.


Ingredientes:


Cascas de quatro abacaxi

1 colher (chá) de erva-doce

½ abacaxi pequeno cortado em cubos e sem cascas

Canela em pó – opcional

Sugestão: você pode preparar metade da receita também.


Modo de preparo:


Para fazer esta geleia, você não precisa comprar os abacaxis de uma só vez, e sim ir guardando as cascas conforme vai consumindo a fruta.


Para isso, lave-as muito bem para eliminar os possíveis resíduos de agrotóxicos e depois congele, até juntar a quantidade necessária.


Na hora do preparo, coloque as cascas em uma panela de pressão, adicione meio litro de água e leve ao fogo.


Quando levantar fervura, cozinhe por 15 minutos e, após esse tempo, espere esfriar totalmente a panela para abrir (demora em média 30 minutos).


Quando a panela já estiver fria, abra, retire as cascas cozidas e coloque no liquidificador.


Acrescente um pouco da água do cozimento e bata até triturar bem as cascas – pode fazer esse processo aos poucos, em duas ou três vezes.


Volte as cascas batidas (sem coar) para a panela e cozinhe por mais 15 minutos.


Nessa etapa não precisa colocar pressão, apenas tampe a panela e mexa de vez em quando para não queimar.


Após o cozimento, espere ficar morno ou até mesmo esfriar, adicione a erva-doce, o abacaxi picado e cozinhe por mais dez minutos.


Espere novamente esfriar – a consistência vai ficar parecida com uma “cocada”.


Depois bata no liquidificador até ficar uma mistura bem homogênea – pode fazer esse processo em duas etapas (não precisa colocar água).


Coloque novamente na panela e cozinhe por mais cinco minutos, somente para prolongar a sua conservação.


Veja aqui como lavar a panela após o preparo.

Armazenamento e conservação

Espere a geleia esfriar, armazene em potes de plásticos limpos e/ou vidros esterilizados, polvilhe a canela em pó por cima (caso queira) e guarde na geladeira.


Além disso, se você não gostar de erva-doce, também não precisa colocar.


Essa geleia pode ser conservada por três a quatro meses na geladeira, porém nunca na porta, e sim sempre na “prateleira” mais próxima do freezer.


Fonte:  Cura Pela Natureza



Advertisement