Foliculite: dicas para prevenir e eliminar pelo encravado sem sofrimento.

- 12:47 PM


 


Saiba como prevenir e eliminar pelo encravado (foliculite) para evitar os desconfortos na pele.


 

Você já teve pelo encravado alguma vez? 


Esse problema acontece quando um folículo, que está crescendo, não consegue ultrapassar a camada superficial da pele.


Logo, ele se curva e penetra novamente na pele, causando uma inflamação semelhante a uma espinha.


Geralmente o pelo encravado surge após uma depilação com lâmina e ocorre em áreas com fio grosso e abundante, como na região pubiana.



Mas isso não impede que ele surja em outra parte do corpo ou em pessoas que têm pelos mais finos.


Normalmente, o pelo encravado é eliminado naturalmente, porém, caso isso não aconteça, pode provocar uma infecção da pele, escurecimento e até cicatriz.


No entanto, é importante nunca tentar arrancá-lo com a unha ou pinça, pois isso pode agravar ainda mais o quadro.


Para isso, existem algumas dicas de tratamento que podem ajudar você a se livrar desse incômodo.


Veja a seguir!


Esfoliação

Você pode fazer uma esfoliação suave no local onde o pelo está encravado.


Além de ajudar para que os pelos retornem à superfície, a esfoliação auxilia na remoção da pele morta acumulada.


Hidrate o corpo


Para que sua pele esteja sempre saudável e não sofrer com as irritações, é fundamental mantê-la hidratada.


Isso vai ajudar a evitar os pelos encravados e também auxiliar no tratamento.


Além disso, mantenha a pele sempre limpa para evitar a proliferação de bactérias.


Aplique compressa de água morna

As compressas quentes ajudam a abrir os poros e, com isso, o pelo consegue sair e voltar a crescer para fora da pele.


Pare de remover o pelo

Parar de depilar a região onde os pelos costumam encravar pode ser uma alternativa para evitar esse incômodo.


Isso porque normalmente eles ficam “aglomerados” em um único lugar, portanto, deixar os pelos crescer pode ajudar para que isso não aconteça mais.


Depois que diminuir a inflamação, você pode optar por um método de depilação que não agrida tanto a pele.


Procure um dermatologista

O dermatologista é o melhor profissional para ajudar você a lidar com os pelos encravados. 


Por isso, caso o pelo esteja com sinais de infecção, é de extrema importância consultar um profissional.


Ele poderá prescrever medicamentos para acelerar a descamação da pele e também indicar os melhores cremes para controlar a inflamação.


Como prevenir

Embora seja comum o surgimento desses desconfortos na pele após a depilação, alguns cuidados básicos podem evitar o surgimento dos pelos encravados.


São eles:


Troque o método de depilação 

Procure mudar suas técnicas de depilação e evitar o uso de lâminas.


Opte por métodos alternativos, como depilação a laser ou cremes depilatórios.


Mas, se quiser continuar usando lâminas, troque-as com frequência e use sempre na mesma direção de crescimento dos pelos.


Além disso, utilize um produto específico para depilação para ajudar a reduzir a irritação.


Também lave a pele com água morna antes de depilar, pois irá abrir os poros facilitando a remoção dos pelos.


Evite exposição direta ao sol

O suor excessivo também é um dos responsáveis pelo encravamento dos pelos. 


Por isso, após a depilação, evite a exposição prolongada ao sol, para não causar transpiração.


Evite roupas apertadas

Roupas apertadas não deixam a pele respirar e aumentam o risco de pelos encravados e de inflamação. 


Por isso, opte por tecidos de algodão em vez dos sintéticos, pois o abafamento pode encravar os pelos.



🤩 M O D A D O M O M E N T O 🤩 Quer aprender hoje a plantar a sua 🌳 Árvores Frutíferas no Vaso❓🍌🍊🍎 ​Faça a sua inscrição aqui ↪️✅ bit.ly/saibamais___arvoresfrutiferasnovaso 💚 🌱 Árvores Frutíferas para serem cultivadas dentro de casa ou apartamento ,na sala , cozinha, na varanda ou quintal.










Advertisement